As principais tendências da logística para 2023

tendências da logística 2023

As tendências globais deste segmento não param. O rápido desenvolvimento do setor logístico contribui para que novas tecnologias sejam incorporadas aos processos, tornando-os mais seguros e eficazes. Deste modo, acompanhá-las faz parte do dia a dia dos gestores e executivos da área.

Ao ficar por dentro dessas novidades, é possível garantir que sua transportadora se adapte prontamente às mudanças que estão por vir. Neste artigo, reunimos as principais tendências da logística para 2023. Continue a leitura e mantenha-se atualizado.

Sustentabilidade

As estratégias aplicáveis ao segmento visam a redução do consumo de combustíveis, combate ao desperdício ou ao menos a garantia de um destino adequado aos resíduos. Confira as estratégias mais comuns:

Logística reversa

Esse conceito se refere ao fluxo de produtos desde o seu ponto de consumo ou entrega até o seu local de origem. No contexto da sustentabilidade, se refere ao compromisso da empresa em recolher e dar encaminhamento aos produtos após a venda e consumo. 

Essa ação garante o descarte correto dos resíduos, sejam eles produtos defeituosos, fora da validade ou até mesmo embalagens, que podem ser reutilizadas ou recicladas. 

É importante destacar que reciclar e reutilizar materiais ainda ajuda a empresa a economizar.

Rotas inteligentes

Diminuir os impactos ambientais causados pelos transportes é um dos maiores desafios da logística. Sabemos que o consumo de combustíveis fósseis e a emissão de gases aceleram as mudanças climáticas. 

A solução para a reduzir a queima de combustíveis fósseis e a emissão de gases poluentes é adotar rotas inteligentes, ou seja, rotas mais curtas. Além disso, optar por combustíveis renováveis e veículos elétricos.

Visibilidade, dados e digitalização

Das principais tendências da logística, esta provavelmente será a mais duradoura. Haja vista que a tecnologia que prioriza dados e visibilidade será substancialmente procurada em 2023. 

Considerando a incorporação de tecnologias estratégicas na dos transportes, isso permitirá mais otimizações nas cadeias de suprimentos de ponta a ponta.

Do mesmo modo, a digitalização será ainda mais comum, já que companhias e agências governamentais estão começando a exigir documentos eletrônicos. 

Sendo um segmento historicamente guiado por papéis, essa tendência do setor levará as empresas a priorizar o digital, logo o uso de software em transportadoras se tornará essencial.

Internet das Coisas (IoT)

De forma simplificada, a IoT é a conexão de objetos cotidianos com a Internet. No segmento logístico, esta tecnologia chegou para integrar e melhorar o controle das informações. 

Como uma das principais tendências da logística para 2023, a IoT aumenta a visibilidade das cadeias de suprimentos nas transportadoras. Por exemplo: caminhões e outros veículos podem ser equipados com sensores, que fornecem atualizações de rastreamento em tempo real no envio e na entrega.

Blockchain

A tecnologia blockchain permite transferir e registrar as operações de forma segura. Isso acontece pelas informações serem criptografadas, logo, não podem ser adulteradas. 

Além da segurança, a tecnologia traz transparência para o processo logístico. Transportadoras de quaisquer tipos, despachantes e fornecedores de logística podem usar a mesma plataforma para atualizar empresas e clientes sobre a jornada do produto.

Automação e inteligência artificial

As duas tecnologias caminham juntas. Automação é a execução automática de tarefas sem intervenção humana. Já a Inteligência Artificial (IA) visa imitar elementos da inteligência humana e consegue “aprender” por conta própria para ajudar em trabalhos mais difíceis.

A IA pode ser usada para automatizar processos usando algoritmos baseados em dados de processos anteriores. A automação torna a gestão da manutenção e gerenciamento de riscos mais eficientes, por exemplo, eliminando erros humanos e até identificando padrões. 

Ambas tecnologias fazem parte da logística 4.0 e buscam revolucionar a indústria dos transportes.

A importância das tendências logísticas no setor de transportes

Segundo dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), em 2021 o e-commerce registrou faturamento de R$150,8 bilhões. Com tamanho aumento do comércio eletrônico, as empresas precisam estar mais próximas do consumidor, motivando investimentos sobretudo na digitalização dos negócios.

Se faz necessário focar em toda a operação, desde o carregamento da mercadoria, a distribuição, o monitoramento de todo o transporte e a entrega para o cliente final. 

É possível concluir que cada uma das tendências da logística citadas, contribuem de forma significativa para a agilidade e segurança dos processos de uma transportadora. 

Muitas tendências ainda estão por vir, por isso mantenha-se atualizado! Siga a Emiteaí nas redes sociais.

 Facebook | Instagram | LinkedIn | Youtube

 

Compartilhe:

Leia também