O que é TMS? Funcionamento e importância

o que é tms

Você sabe o que é TMS na logística? Em suma, trata-se de um sistema para gerenciamento de transportes. Em outras palavras, é um programa que auxilia as empresas do setor a monitorarem todas as atividades referentes à movimentação de cargas.

É preciso dizer que essa é uma área que cresce a passos largos. Para você ter uma ideia, uma pesquisa divulgada pela Webinar Care mostrou que quase 35% dos negócios já investem no TMS para transportes. 

Além do mais, é esperado que o mercado cresça mais de 14% até 2032, ultrapassando o valor de 46 bilhões de dólares, segundo dados divulgados pela Globe Newswire — evidenciando que o software representa o futuro do segmento. 

Ficou curioso para aprender mais sobre o assunto e não ser deixado para trás? Então, continue conosco! Neste artigo, explicamos:

  • o que é e como o sistema TMS funciona; 
  • quais são os tipos; 
  • quem usa a ferramenta; 
  • qual a importância do software para a logística. 

Não perca tempo e confira!

O que significa TMS? 

TMS é uma sigla em inglês para Transport Management System. Em português, o significado — na tradução literal — é sistema de gerenciamento de transporte. Na prática, trata-se de uma ferramenta para controle de todas as ações que envolvem a movimentação de carga. 

>>>> Aproveite e leia: sistema para transportadora — o que é e 6 dicas para escolher o melhor 

Então, o que é TMS na prática?

O sistema TMS é um programa de gerenciamento das atividades que envolvem o dia a dia do setor logístico de uma empresa, como transporte de mercadorias. Com a ferramenta, é possível emitir documentos, visualizar todas as etapas das entregas e cadastrar tarifas e taxas. 

O software também possibilita que a empresa tenha mais controle sobre as movimentações de cargas, inclusive sobre o faturamento com o serviço. Tudo para garantir o bom funcionamento da área. 

Bem interessante, não é mesmo? Ficou claro o que é TMS? Então, continue com a gente para entender como a ferramenta funciona!

Como o sistema TMS funciona?

É preciso ter em mente que o sistema TMS não é usado sozinho. Na verdade, funciona de maneira integrada com os outros softwares de gestão incorporados pelo setor de logística. 

No dia a dia, a funcionalidade permite que todos os sistemas usados pela empresa estejam conectados. Assim, sempre que um for atualizado, o outro “puxa” as informações e começa a funcionar automaticamente.

Vale destacar que o TMS ajuda no planejamento das ações da empresa — como cálculo de rotas e de frete —, na execução dos planos e em sua otimização, pois dá acesso a relatórios precisos. Dessa forma, é possível perceber oportunidades de melhoria com mais facilidade. 

Quem usa TMS?

O TMS pode ser usado por qualquer empresa que trabalhe com logística e precise enviar — ou receber — mercadorias com certa regularidade. Nesse meio, estão incluídos fabricantes e distribuidores de produtos dos mais diversos tipos, varejo e até mesmo e-commerces

Fora isso, transportadoras e organizações que oferecem serviços logísticos terceirizados, ou seja, prestam trabalho para outras companhias, também costumam usar a ferramenta para otimizar seu dia a dia. 

A propósito, esse não é um sistema exclusivo para empresas de grande porte, viu? Na verdade, negócios de pequeno e médio porte podem ser muito beneficiados com a ferramenta.

Porém, antes de entender quais são esses benefícios, vejamos quais são os principais tipos de TMS!

>>>> Não deixe de ler: carga e descarga de mercadorias — como fazer o serviço com excelência?

Quais são os tipos de TMS? 

Existem três tipos de TMS:

  1. para embarcadores;
  2. para transportadores;
  3. para operadores logísticos. 

Veja o que cada um deles oferece a seguir!

1. Para embarcadores 

O TMS para embarcadores conta com funcionalidades voltadas para otimizar o trabalho de quem precisa atuar diretamente ou terceirizar o transporte de mercadorias. A modalidade ajuda a planejar e monitorar as operações automaticamente, incluindo a emissão de documentos, comprovação de entregas e a auditoria de fretes.

2. Para transportadoras

Já o TMS para transportadoras — organizações que oferecem serviços de transporte para terceiros — permite ações como cálculo de frete, gerenciamento dos motoristas, das rotas e das cargas e muito mais. 

>>>> Aprenda mais: 6 passos para implementar um software na sua transportadora

3. Para operadores logísticos

Por fim, o software para operadores logísticos é mais flexível para atender às demandas do setor, que trabalha com terceirização de logística. Nesse caso, a ferramenta pode oferecer as funcionalidades dos dois primeiros tipos.  

Agora que você compreendeu o que é TMS, quais são os tipos e quem usa o sistema, chegou o momento de descobrir qual a importância da ferramenta na logística. 

Para isso, separamos uma lista de benefícios para você a seguir. Confira!

Qual a importância do TMS na logística?

Deu para perceber, quando explicamos o que é TMS, que a ferramenta é muito importante para a logística, concorda? Afinal, o sistema foi criado para auxiliar o gerenciamento dos transportes — etapa essencial para o bom funcionamento do setor. 

Entretanto, caso ainda tenha alguma dúvida sobre os motivos para usá-lo, saiba que, entre os benefícios do software, podemos citar: 

  • redução dos custos (inclusive, temos um artigo com dicas de como a ferramenta pode ajudar na tarefa, aproveite para conferir); 
  • melhor aproveitamento do tempo, diminuindo o prazo das entregas; 
  • automatização de tarefas repetitivas, como emissão e lançamento de documentos; 
  • rastreio das cargas; 
  • aumento da produtividade; 
  • acesso a relatórios com insights poderosos sobre o setor; 
  • possibilidade de realizar todos os processos em uma única plataforma. 

E aí, ficou interessado em usar um TMS? Então, que tal conhecer o sistema da Emiteaí? Na plataforma, você tem acesso a funcionalidades para embarcadores e para transportadores.

Além disso, a Emiteaí conta com um aplicativo para registro e comprovação das entregas, para trazer mais segurança para você e para os seus clientes, e ainda permite fazer o cadastro de qualquer despesa complementar. 

Tudo para você não perder nenhum detalhe essencial para o gerenciamento do seu negócio. E então, vai deixar essa oportunidade passar?

Aproveite para fazer o seu cadastro hoje mesmo e teste todas as funcionalidades da Emiteaí gratuitamente!

Compartilhe:

Leia também